domingo, 10 de maio de 2009

Mais do mesmo...


Ainda a digerir o empate de ontem, não me vou alongar nos comentários ao jogo com o Trofense.
Empatamos, perdemos o segundo lugar. Estivemos a perder mas ainda demos a volta ao resultado, com muito mérito. Mais uma vez, fomos prejudicados: o segundo golo do Trofense é irregular e os cartões dados a Luisão e Pablo Aimar são "fantásticos"... só relembro que foi o 5.º amarelo visto por ambos, pelo que não jogam em Braga... está tudo dito.
No entanto, continua a ser incompreensível como uma equipa, que está a ganhar, deixa-se empatar... assim.
Situação deplorável, também, continua a ser os lenços brancos mostrados ao treinador. Estranha forma de apoiar...

Hoje, estamos em terceiro. Se, até ao final da época, não acontecer mais nenhum imprevisto, será em terceiro que ficaremos. A Champions é cada vez mais uma miragem e o título há muito que era uma utopia.
Na época passada ficamos em 4.º lugar. No último jogo da temporada, a Catedral estava cheia, não para ver o Benfica (devido à época desastrosa), mas para ver a última sinfonia do Maestro. Assim, o quarto lugar ficou meio "esquecido" e já todos pensavam na próxima época, no novo Director Desportivo. Luís Filipe Vieira agarrou-se a isso, a mais um novo "ciclo", desta vez com alguém muito querido dos Benfiquistas.
Rui Costa assumia funções: contratava equipa técnica, jogadores... e que jogadores!! Aimar, Reyes, Suazo,... nunca pensei ter no meu Benfica esta constelação de estrelas.
A euforia era óbvia. Toda a gente acreditava que este ano seria nosso.
A verdade nua e crua é que não foi. A época fica aquém das expectativas. O que falhou?
Nós, Benfiquistas, fizemos tudo o que esteve ao nosso alcance, para não variar. Apoiamos SEMPRE, ainda que de diferentes maneiras e manifestações. Nos momentos menos bons estivemos lá, sempre com Eles.
A equipa técnica divide opiniões. Continuo a manter a minha.
A direcção/presidência também divide opiniões.

Só quero uma coisa, como alguém já havia dito: o GLORIOSO BENFICA! O único, o verdadeiro, o temido por todos, o conquistador.
No entanto, por mais treinadores que tenhamos, por mais passes de jogadores que compremos, tenho a ideia de que não será suficiente para recuperar a nossa hegemonia de outrora.
A questão é bem mais complexa.
Neste momento, na minha modesta opinião - que vale o que vale -, precisamos de uma pessoa forte na nossa estrutura. Pessoa essa que, com a equipa que tem (que tem grande valor, por sinal) e que nos momentos menos bons, sobretudo, consiga fazer dela e mostrar-lhe que, independentemente de tudo, é A Melhor. Para isso basta ser ela. Podemos ter o pior técnico, os piores jogadores e, até, os piores dirigentes mas somos os melhores porque somos Nós!

Hoje li no jornal Record, no café (não compro pasquins!), a Carta aberta a José Veiga: "Fúria de Vencer".
Entre outras coisas, era destacada, a forte personalidade do ex-dirigente Benfiquista, o espírito de luta feroz, a capacidade que tinha para motivar todo um plantel (jogar no Benfica já é pretexto para grande motivação, no entanto, há momentos em que não é bem assim).
Foi referido, também, que no tempo deste senhor ganhamos uma Taça de Portugal (com Camacho), um Campeonato Nacional (com Trapattoni), uma SuperTaça (com Koeman) e fizemos, ainda, um brilharete na Liga dos Campeões, chegando até aos quartos-de-final, eliminando Man. United e Liverpool, caindo, apenas, aos pés - e da forma que se sabe - do campeão europeu da edição desta competição.
É isso o que todos nós queremos. Gostando-se ou não, o "Benfica de Veiga" era temido e, com a sua saída, ficou iminente a fragilidade no sector.
Precisamos de alguém que saiba actuar e reagir no momento certo, incutir um espírito guerreiro à nossa equipa, que saiba blindar e proteger a mesma.
Isto tudo, aliado ao nosso actual Director Desportivo, que defendo com unhas e dentes e que sabe o que está a fazer, bem como percebe melhor do que ninguém de futebol e ama o nosso Glorioso, será para arrasar, certamente.

Continuo a achar que é não com constantes "novos ciclos" e "revoluções" no plantel, com mudança de treinador todos as épocas que consigamos ter o nosso sucesso.
Uma equipa precisa de estabilidade.
Bem sei que actualmente o treinador do Benfica talvez não tenha condições para continuar, mas fomos nós que criámos toda essa conjuntura.
O treinador é sempre o elo mais fraco, pelo que é "normal" que seja o crucificado.
Não é o treinador que não corre, que não deixa a pele em campo, que não joga bem. Podemos questionar algumas opções tácticas e as famosas substituições, mas daí a -lo como único culpado talvez seja um erro.

Mais do que pedir a "cabeça" do treinador, peço mudanças na estrutura. Pede-se uma estrutura forte, coesa e unida.


VIVA O BENFICA, SEMPRE!!!!

3 comentários:

planetaportugal disse...

Caros Benfiquistas

É com imenso prazer que anunciamos a abertura de um Motor de Busca do Benfica na rede Gusca.

Falamos do Benfica Gusca.

http://benfica.gusca.net/

O Benfica Gusca obtém nos seus resultados os mesmos resultados que o Google, sendo que para o utilizador final, usar o Benfica Gusca é similar ao uso do Google mas com o Tema do Sport Lisboa e Benfica.

Esperamos que seja do vosso agrado e experimente Já!!!

http://benfica.gusca.net/

margaridabenfiquista disse...

grande post da nossa futura advogada

post sfff

beijokas ladie advogada
..

LuaSLBENFICA disse...

Uma palavra: SUBLIME!!

Parabéns Aninha!! =)))

Beijinhos enormes*********************
****************************

AMO-TE SPORT LISBOA E BENFICA